site 02.png

MINI-RESIDÊNCIA ISTO É APENAS UM PANO NA CABEÇA

Márcio Nonato(BA) para mulheres “todas” – cis, trans, lésbicas, heteros...

Dias 01, 02 e 03 de OUT | 10h às 13h | Laborarte

Dia 03 - Aberto ao público.

Inscreva-se aqui

(O “não saber” como detonador de esvaziamento e ampliação do contexto transformando-se e transformando-o. Noções de identidade, dilatação e a relação com os sentidos, com os demais e com o ambiente.)

Tudo começa com um pano branco na cabeça, a fim de fazer emergir novas composições espaço-corpóreas... A ideia é experienciar esse pano na cabeça num espaço – tempo específicos e compartilhado com outras que também estão com pano (ou não).

Isto apenas uma mulher com um pano na cabeça foi um projeto desenvolvido em parceria/criação com mais duas artistas (Isabela Silveira – BA e Olga Lamas – AL/BA), e surgiu de uma inquietação provocada pelo quadro “os amantes” do pintor belga René Magritte. E até hoje provoca o artista pela dúvida que esse trabalho/experiência lhe gera. Instiga-lhe poder estudar uma possibilidade de estar juntos, que o pano vem lhe fazendo perceber.

Márcio Nonato é artista/performer/iluminador, interessado no corpo e nas relações que podem se estabelecer quando friccionamos nossa percepção. Nesse trabalho, segue “incucado” com a experiência de transformar a percepção tempo – espaço – sentidos, a partir de vivências/propostas em diferentes lugares e tempos (e gêneros).

Em São Luís, no Conexão Dança, nesse espaço da mini-residência, Márcio Nonato quer “voltar” a propor o Isto é apenas uma mulher com um pano na cabeça, “voltar” a propor à mulheres (trans, cis, heteros, lésbicas...). Por em ação sua vontade de entrar numa casa, nessa cidade, nesse ano de 2018 e experienciar um encontro com mulheres diversas...

Desse modo, convidamos a todas, que tenham vontade para se inscrever e participar dessa experiência. As Inscrições estão abertas até dia 29 de setembro.

A mini-residência acontecerá nos dias 01, 02 e 03 de outubro de 10h às 13h, o último dia será aberto ao público.

As interessadas podem entrar em contato com a pesquisa através do videodança realizado em 2011 : https://www.youtube.com/watch?v=cniSxPvKM98

Márcio Nonato (Salvador-BA) é performer, diretor e iluminador. Estudou interpretação teatral na UFBA e dança na Escola de Dança da FUNCEB/BA (ambos não finalizados). Por 14 anos foi do grupo DIMENTI e desde 2007 vem desenvolvendo trabalhos autorais no VAGAPARA (ambiente transitório de criação), onde descobriu a rua para desenvolver seus experimentos e pesquisas. É performer e técnico de iluminação nos espetáculos De Repente fica tudo Preto de Gente e Batucada, de Marcelo Evelin/Demolition Incorporada. Atualmente faz parte do “nós Charriot” (um aglomerado de 6 artistas), ocupando/gerindo artisticamente um casarão no centro antigo de Salvador, com projetos ligados a formação, criação e produção – a Casa Charriot abriu as portas em 2017.

Siga
Posts Recentes
Arquivo